Skip to content

Life’s too short for the wrong job

18/10/2011

Já parei para me auto-questionar sobre minha carreira profissional, o curso que estou fazendo, se vou me satisfazer com ele futuramente, meu descaso atual com meu desejo intenso de dançar seriamente… Tantos questionamentos e tudo devido a um único pensamento: “A vida é curta demais para se trabalhar no que não gosta!” . Perturbador! Tornou-se ainda mais após deparar-me com essa campanha publicitária, compartilhada por cá: Daily Dawdle. A campanha diz mais do que mil trabalhadores frustrados, e a criatividade da mesma fala por si! É, e ela tens razão. Mas sinceramente, mesmo que o cheirinho de popô de neném me afronte dessa maneira que prevejo, hoje sinto que não hei de ter arrependimentos. O terei, claro, se não correr atrás de um trabalho satisfatório pelas minhas vontades e desejos, além de um incentivo monetário inspirador. Mas é bom eu correr rápido, afinal, a vida é curta demais… Corra Lola, corra! To correndo, meu bem.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: