Skip to content

O fim de uma Era!

09/07/2012

Esses dias descobri um site que pode mostrar seu passado negro na internet, e fiquei extremamente empolgada e eufórica para descobrir se eu iria ter acesso as proezas que eu digitalizava nos meus blogs pré-adolescentes. E não é que encontrei?

Weblogger acabou com uma nação. A nação dos blogs anos 2000. E o fim daquela era blogosférica deve ter levado muita gente à loucura por perder todo um acervo de tantos textos, histórias, segredos… Basicamente jogaram fogo em um diário tão bem cuidado. Maldade, eu diria! Mas eu abandonei aqueles blogs antes de sumirem, deixei-os mofando mesmo. Sem dó! Só preguiça.

Os blogs dos anos 2000 era algo que ardia os olhos. Ao menos os que eu costumava visitar. Era uma disputa por gifs, comentários, concursos, layout… Era um colorido, uma piscação, um bolo de informações que só de lembrar meus olhos adaptados a outra era ardem. Você entrava em um e Toxic começava a tocar. Descobrir que meu blog ainda poderia estar vivo, em algum lugar distante do google, fez meus olhos arderem novamente, e por vontade de lê-lo. Ver de novo toda a piscação e o bando de gifs daquele site japonês que não recordo o nome. Porém, em especial, o que eu escrevia e como escrevia. Fazia um tempinho que eu não ria tanto sozinha, e de mim mesma, como quando achei os benditos. Se nessa altura do campeonato você ainda está achando que eu vou passar aquele endereço, pode parar de ler já porque não rirá da desgraça alheia. E não era barbaridades, nem adianta tentar!

Nesses momentos que você da uma olhada nas bobeiras que escrevia anos atrás, nos seus pensamentos e míseras preocupações, mesmo em diários clássicos, aqueles com caneta, papel e linhas, você se dá conta nitidamente do quanto mudou e aprendeu. Aí você imagina como seria se pudesse contar o que aprendeu depois de alguns anos para aquela menininha bobinha e idiotinha que você era, e no primeiro momento acredita que seria incrível. Hoje estaria tão mais madura, inteligente, esperta, perspicaz. Seria lindo, eu sei! Mas sabe que a graça está exatamente aí? A gente rir do passado e no fundo ter saudades, inclusive. Mesmo de ser bobinha. Não que você não seja hoje. Mas ser bobinha tem lá sua graça, porque amanhã você não vai ser e seguirá consciente de que sempre estará melhor. É claro que eu era muito mais nova naqueles tempos, e realizar comparações é injusto, mas é em comparações que se chega as mensuráveis, certo? E no fim a gente até agradece pelo Weblogger ter evaporado sem explicação!

Anúncios
3 Comentários leave one →
  1. Angélica permalink
    08/08/2012 1:38 AM

    Meu Deus! Que texto ótimo! E a descoberta mais ainda! Mas vc consegue visualizar oq escrevia no seu weblogger? Eu não consegui, será que fiz errado? rs
    Adorei o blog! ;)

    • 08/08/2012 1:49 AM

      Angélica, consigo sim, ao menos uma boa parte :)
      Não conseguiu nem ver a página do seu blog?

      Ah, muito obrigada, fico feliz! Adorei a visita ;)

  2. Manuela Malgarezzi permalink
    10/07/2012 8:33 PM

    O site japones era Bibi1001, alguma coisa assim, mas tenho ctza que tinha Bibi no meio, e ele ainda existe! hahaha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: